Política da Qualidade

Versão resumida da Política da Qualidade definida no Manual da Qualidade do CATIM aprovado em 22.09.2017

 

Melhoria continua

Faz parte da Política da Qualidade a focalização na melhoria contínua dos processos e atividades com vista à satisfação dos clientes e outras partes interessadas e no equilíbrio económico-financeiro do CATIM.

Imparcialidade e independência

Faz parte da Política da Qualidade, a necessidade de o CATIM se manter imparcial e independente nas suas atividades de avaliação técnica.

As estruturas orgânicas do CATIM e respetivo pessoal nas quais se baseiam as atividades dos Laboratórios, Organismo de Inspeção ou de Certificação, Organismo Notificado e todas as restantes, não devem estar sujeitos a qualquer tipo de pressão comercial, financeira ou de outra natureza que possa colocar em causa a imparcialidade, a independência e a credibilidade dos serviços prestados.

Estes requisitos e a competência técnica reconhecida, são e serão a base do relacionamento com cada Cliente e a base da acreditação dos laboratórios de ensaio e de calibração, dos Organismos de Inspeção e Certificação de Produtos, do Organismo Notificado e de outros reconhecimentos por segunda e terceira parte.

Para assegurar a imparcialidade e independência, os Laboratórios, Organismo de Inspeção, Organismo de Certificação de Produtos e respetivo pessoal não participam na conceção, produção, venda, instalação, manutenção ou distribuição dos itens que ensaiam, inspecionam ou avaliam mas também de itens semelhantes da concorrência, nem prestam qualquer outro serviço de consultoria técnica com base nos ensaios/calibrações, inspeções e avaliações efetuados.

Dado o carater estatutário do CATIM, instituição privada de utilidade pública sem fins lucrativos, em cujo capital social participam empresas potencialmente clientes dos serviços disponibilizados, o Conselho de Administração reafirma a total independência das avaliações técnicas das suas estruturas orgânicas e respetivo pessoal, não sendo admissível qualquer tipo de pressão por parte dos órgãos sociais e associados que possa colocar em causa a sua imparcialidade e independência.

Confidencialidade e segurança.

Faz parte da Política da Qualidade a completa observância do sigilo profissional no que diz respeito a toda a informação trocada com cada cliente e a segurança de toda a informação ou itens no CATIM depositados.

Cooperação.

Faz parte da Política da Qualidade a determinação do CATIM em cooperar de forma aberta e interessada com Clientes, Organismos de Acreditação, de Certificação e de Normalização, Entidades Regulamentares e Fiscalizadoras, outros Laboratórios e Organismos Notificados, de Inspeção ou Certificação de Produtos, Associações e Ordens Profissionais, Entidades do Sistema Científico e Tecnológico e de Formação, com vista à melhoria da satisfação das necessidades dos clientes, das partes interessadas e da sociedade em geral.

 

OUR Mission

CATIM, Portuguese Technological center for the metal working industry is a non-profit private institution of public utility, that resulted from the association of interests, industries, and associations with public companies.

It was established under the Decree-Law No. 249/86 of 25th August, with the changes that were introduced by Decree 312/95 of 29th November and registered as a Public Utility Institution, as published in the Official Gazette No. 15, II series of 87/01/19, at the Commercial Registry of Oporto, Registration No. 2, under the tax number 501 630 473.

 

Its mission is to contribute to innovation and competitiveness of national metal industries and similar or complementary sectors.

 

 

Services at Catim

Technological Center for the Metal Working Industry

Catim